Equilibrando o paciente, a cura começa aqui!

Todas as células do nosso organismo trabalham de forma semelhante, com exceção dos glóbulos vermelhos, e precisam estar em sintonia, ou seja, equilibradas.

A deficiência de algumas vitaminas e alterações hormonais podem ocasionar dano ao funcionamento celular, resultando em determinadas patologias e consequentemente, não respondendo ao tratamento empregado.

Alterações do metabolismo como da função da tireoide, aumento do açúcar, aumento do ácido úrico, da insulina, estão associadas à a algumas doenças como Sarcopenia, Fibromialgia e Artrose.

Os hormônios da tireoide e a coenzima Q10 agem diretamente na mitocôndria, organela responsável pela geração de energia, e influenciam na vitalidade, ou seja, na energia que dispomos para realizar as tarefas diárias.

Alterações de alguns hormônios estão associadas ao desenvolvimento de determinadas doenças, como por exemplo a redução de Testosterona e GH podem levar Osteosporose ou Osteopenia, a do estrogênio associado à Fibromioalgia.

Para a investigação de alterações do metabolismo precisamos realizar determinados exames laboratoriais que variam em função dos sintomas de cada paciente.

A avaliação metabólica é apenas um fator que interfere no resultado final do tratamento, e não podemos deixar de citar a importância da investigação intestinal (onde frequentemente encontramos Disbiose – doença que altera a permeabilidade intestinal e favorece a má absorção de nutrientes, estabelece um estado de inflamação subclínica crônica, além do desenvolvimento de doenças alto-imunes).

O controle do sono, restabelecendo o sono reparador, exerce influência direta sobre o sistema imunológico e psíquico, estando diretamente envolvidos no bem estar do paciente. O sono reparador também tem relação direta com a resposta celular aos tratamentos empregados, e precisa ser levado a sério como outro fator que influencia a resposta ao tratamento.

Estes são apenas alguns exemplos que nos mostram a importância do equilíbrio do paciente, antes de iniciar determinado tratamento.

Dr. Lana usa a expressão “precisamos preparar o solo antes de plantar“, e essa analogia se aplica coerentemente a todo tratamento ortopédico.

Compartilhe este post.