Tratamento com enxerto autólogo de gordura!

É um tratamento médico de alta tecnologia no qual utilizamos células obtidas do tecido adiposo do próprio paciente, na forma de enxerto, para tratar uma lesão  preexistente. Assim como o enxerto de medula óssea, este também não pode ser confundido com terapia de células tronco.

A ciência atual está mudando seu conceitos sobre o tecido adiposo, pois ele funciona como um órgão, produzindo várias substâncias moduladoras e inúmeras citocinas.

O tecido adiposo é a mais rica fonte de células-tronco no corpo. A célula tronco derivada do tecido adiposo (gordura) tem a capacidade de se diferenciar em vários tecidos músculo-esquelético. Elas parecem ter propriedades muito semelhantes às células tronco da medula óssea.

Em comparação com a medula óssea, a literatura mostra que estão presentes entre 500 a 2500 vezes mais células tronco no tecido adiposo.

A abundância de células-tronco no tecido adiposo e a facilidade de coleta desse tecido, parece eliminar a necessidade da cultura dessas células para proliferação.

A obtenção é simples, através de mini-lipoaspiração. As células podem ser usadas logo após a coleta (células frescas) ou após isolamento e cultivo.

O enxerto autólogo de tecido adiposo tem duas finalidades, atuar como um andaime, uma base para as células tronco, e fornecer células-tronco mesenquimais.

Um estudo clínico que envolveu 21 pacientes com dor crônica no joelho devido artrose grau I e II, e sem resposta a tratamento convencional, foi instituído com enxerto de tecido adiposo retirado da barriga, associado a Plaquetas. Após 6 meses de tratamento, estudo de ressonância magnética demonstrou regeneração parcial da cartilagem articular e 90% de satisfação dos pacientes, sendo que 75% estavam melhor após 3 meses.

Um recente artigo publicado pelo Dr. Jaewoo Pak, de Seoul na Coreia, mostra uma série de relatos de casos clínicos com células tronco derivadas de tecido adiposo. O estudo associou o enxerto de tecido adiposo com ácido hialurônico e plasma rico em plaquetas para o tratamento de Osteonecrose de quadril e artrose de joelho. Os dados de ressonância magnética para todos os pacientes mostraram mudanças positivas significativas.

O tratamento é uma terapia promissora e minimamente invasiva para o tratamento da lesão da cartilagem articular, Osteonecrose da cabeça femoral, artrose de joelhos, quadris e outras articulações.

Como as células tronco são células do indivíduo para ele mesmo, alguns fatores podem influenciar negativamente no resultado, como exemplo, obesidade, tabagismo (fumo) e Diabetes, doenças auto-imunes e distúrbio metabólico.

Na atualidade, encaramos o enxerto autólogo de gordura, como uma opção terapêutica promissora, porém coadjuvante, no tratamento de patologias articulares.

Compartilhe este post.